Rafael Feijão lista os destaques do LFA 166, que acontece no próximo sábado, 02/09

Rafael Feijão lista os destaques do LFA 166, que acontece no próximo sábado, 02/09
Rafael Feijão lista os destaques do LFA 166, que acontece no próximo sábado. (Imagem: Divulgação/LFA Brasil)

Evento em Cajamar terá como destaque a disputa do cinturão dos meio-médios

Via assessoria de imprensa

O LFA retorna ao município paulista de Cajamar no próximo sábado (02/9) para a sua 166ª edição, a 12ª no Brasil. A atração principal é a disputa do cinturão dos meio-médios, entre Geraldo “Luan Santana” Neto e Magnus Conrado. Vice-presidente da companhia, Rafael Feijão listou os destaques do card, que terá transmissão ao vivo para todo o mundo através do UFC Fight Pass.

“Esta luta entre o Geraldo e o Magnus tem tudo para ser bastante agressiva, não creio que chegue à pontuação dos jurados. Também estou entusiasmado para ver a luta do Zé Delano, quero saber como é que vai ser a volta dele ao cage depois de ter perdido para o Gabriel ‘Mosquitinho’, que foi contratado pelo UFC na sequência. Outra luta que eu quero muito ver é a do local Cássio Barão, um moleque muito aguerrido e que lotou metade do ginásio no último evento que lutou”, apontou.

No dia seguinte ao LFA 166, será realizado, também no Ginásio do Polvilho, em Cajamar, utilizando a mesma estrutura, a terceira edição do R1 Fighting Series, evento liderado pela mesma equipe de produção e que tem como intuito preparar os lutadores para chegarem prontos aos principais palcos de MMA do planeta.

“A gente achou um sistema perfeito e está começando a moldar, a prospectar atletas através do R1. Aqueles que se destacaram nas primeiras edições já foram para o LFA e alguns até mesmo para o Contender Series. Nossa proposta é promover essa escalada, degrau a degrau, para que o atleta saia do R1 já no molde ideal para se encaixar no UFC”, explicou Feijão.

“O molde do LFA já é o dos maiores eventos do mundo, é para o atleta que se entende como empresa, que tem uma mídia social ativa, que seja carismático, saiba se portar perante as pessoas, e não só lute bem. Acho que o mundo já entendeu essa evolução do MMA. A gente quer trabalhar nesse nível desde o princípio da carreira do lutador, para que quando a hora dele chegar, já esteja apto a se encaixar nos maiores palcos do planeta”, complementou o ex-lutador.

Esta será a quarta vez que o LFA terá como palco a cidade de Cajamar, que fica a apenas 29 km da capital paulista. Já o R1, será a segunda edição das três realizadas pelo evento.

“Cajamar se propôs a se tornar a capital do MMA no Brasil. Fora isso, logisticamente é um dos melhores lugares que existe. A gente tem aeroporto perto, lutadores de grandes equipes de São Paulo, então fica perfeito. Além disso, a cidade nos acolheu muito bem, o prefeito Danilo Joan se propôs a chegar no topo do MMA e já conseguiu fazer isso em menos de um ano”, comentou Feijão.

Releases

Matérias enviadas por assessorias de imprensa. Envie seu release para o e-mail: peleiammacontato@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *